Saiba como a tecnologia influencia negativamente na Saúde das pessoas

PESCOCODETEXTOHoje quando andamos pelas ruas, nos carros, metrô e até mesmo no elevador, observamos que as pessoas tem um acessório quase inseparável, um companheiro presente 24 horas por dia; o smartphone.

Talvez muitos perguntem porque este acessório, relacionado a trabalho, diversão e muitas outras coisas pode influenciar negativamente a nossa saúde. A  resposta é simples, nós estamos parando de olhar para frente, e cada vez mais estamos olhando para baixo, cada dia que passa mais aplicativos envolventes, divertidos e a conexão 24 horas, faz com que olhemos para este nosso acessório todo o tempo.

Hoje as pessoas não olham  mais para as outras, olham simplesmente para a tela brilhante. Quando pensamos nisto será que estamos cientes das consequências. Nossa coluna foi projetada para inclinar para traz e manter nossa cabeça olhando para o horizonte, mas passamos muitas horas do nosso dia fazendo o contrario, não temos ideia de quanto isto pode ser perigoso.

A coluna inclinada para frente de maneira continua, causa uma sobrecarga muito grande nos discos intervertebrais, pequenos amortecedores naturais que separam uma vertebra da outra,  e sobrecarregam toda a musculatura da nuca que fica trabalhando em um nível de estiramento tão intenso que pode levar a lesão muscular temporária e  alguns casos definitivas.

Dores de cabeça, dores no pescoço são o início destes sintomas, que podem ficar continuo e em casos mais intensos acabar evoluindo para um dor de intensidade mais severa e como última possibilidade até mesmo uma temida cirurgia na coluna cervical.

Os pesquisadores já criaram um termo para isto; chama-se pescoço de texto que corresponde a mudança da postura, da cabeça e da coluna ao mesmo tempo, apenas para mostrar a importância desta postura, cada 2,5 cm que a cabeça inclina para frente, aumentamos em meio quilo o peso na coluna cervical, ou seja a cada 5 cm desta inclinação , seria como se carregássemos um quilo a mais sobre nossas cabeças.

Finalizando lembro que a utilização do celulares deve ser a mais alinhada com a altura dos olhos; que uma pratica de exercícios físicos e o fortalecimento muscular podem diminuir o impacto  das agressões feitas a nossa coluna por estes novos, e perigosos acessórios, lembro ainda que dores intensas e que não melhoram depois de alguns dias devem sempre ser avaliadas por um especialista.

Fonte: Dr. Luiz Cláudio L. Rodrigues – Médico Ortopedista do Hospital Santa Marcelina